Os sete princípios da nova ciência do emagrecimento

O sete princípios do emagrecimento

Agora você conhecerá os sete princípios do emagrecimento. Todos eles agem em conjunto, abrindo as portas à vitalidade, e à perda de peso duradoura. Nenhum deles requer o uso de medicamentos.

  1. O primeiro princípio é controlar o apetite e o metabolismo, entendendo como as células do cérebro, dos intestinos e de gorduras se comunicam entre si por meio de hormônios e substâncias químicas que atuam como mensageiros cerebrais para direcionar o comportamento alimentar.
  2. O segundo princípio é entender como o estresse nos faz engordar e como superar seus efeitos.
  3. O terceiro princípio é controlar a inflamação, uma força oculta por trás do ganho de peso e das doenças.
  4. O quarto princípio é prevenir a oxidação celular, que interfere no metabolismo e causa inflamação.
  5. O quinto princípio é aprender a acelerar o motor metabo lógico para que ele possa transformar calorias em energia com mais eficiência.
  6. O sexto princípio é verificar se a tireoide, que produz o principal hormônio do metabolismo, está funcionando bem.
  7. O sétimo princípio é desintoxicar o fígado para que ele metabolize adequadamente açúcares e gorduras e elimine toxinas e o peso tóxico.

Saladas saudáveis

Entender os sete princípios é essencial para o emagrecimento duradouro, que não depende de prevenções nem de punições.  ele se baseia em nutrir o corpo e cuidar. Embora uma ou outra dieta possa ter enfatizado um desses elementos, nunca antes esses sete fatores foram concentrados num só programa.

Essa é a primeira perspectiva médica e clínica abrangente a apresentar um programa que aborda todos os aspectos mais importantes do metabolismo e do emagrecimento. Alguns desses conceitos, como o da inflamação e dois antioxidantes, nunca haviam sido considerados relevantes para perda de peso.

O metabolismo fornece o quadro geral, ensinando alcançar e manter o peso ideal.

Nosso estilo de vida e as escolhas inconscientes que fazemos todos os dias sabotam até mesmo nossas melhores intenções. Munidos as mais recentes informações que a ciência tem a oferecer, podemos retomar o controle da nossa saúde e encontrar a pessoa magra que existe dentro de nós, esperando para se manifestar. Trabalhando a favor do corpo, e não contra ele, seremos capazes de aprender a não adotar determinadas atitudes que desencadeiam a enchente de moléculas que leva o organismo ao comportamento de sobrevivência, destinado ao armazenamento de gordura. Essa é a promessa de um melhor desenvolvimento.

Dieta

Dando as instruções corretas aos genes

Nos últimos 20 anos, Tenho recebido em meu consultório um grande número de pacientes que já experimentaram todo tipo de dieta para perder peso. Quando chegam, percebo que eles não sabem que a maioria das coisas que vinham fazendo estava profundamente impregnada da mitologia que cerca a saúde e o emagrecimento.

De fato, tinham pouca chance de mudar sua situação, pois usavam métodos desatualizados e sem fundamento científico.

Ao adotarem a prescrição do metabolismo, essas pessoas emagrecem, ficam muito mais saudáveis e se sentem melhor com a vida.

Portanto é indispensável que tenhamos disciplina nas nossas atitudes de cuidar do corpo.

Até o próximo artigo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *